Na Aced, experts dão dicas a empresários sobre como pensar nas redes sociais

O jornalista que mediou o talk show com os especialistas, Ogg Ibrahim, ressaltou o público mesclado presente no evento.

Por: Max Rocha

Neuromarketing Aced_22.11 (2)

“O quanto o seu produto é lembrado pelos consumidores? Que emoções sua empresa gera nas pessoas?” Essas foram algumas das provocações lançadas pelo palestrante Fernando Kimura aos presentes no evento “Neuromarketing e Facebook”, realizado na terça-feira (21), que lotou o Auditório da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados).

Palestrante número 1 no Google de Neuromarketing e Inovação, Fernando explicou que o neuromarketing é baseado em três pilares – atenção, memoria e emoção – e que os empresários devem ficar sempre atentos a esses elementos, como forma de melhorar não somente a divulgação de seu negócio, mas também atendimento, pós-venda e atração de novos talentos.

Outro expert que esteve no encontro, Juliano Kimura explicou que muitas empresas ficam com receio do que postar ou como postar e acabam não fazendo nada nas redes sociais. “Minha dica é: poste, experimente. Pode ser que para você pareça muito idiota ou inútil, mas para as pessoas que estarão assistindo seja muito importante. Seja uma selfie, ou uma foto da loja, do produto”, explica Juliano, que foi eleito o melhor profissional de redes sociais em 2015 e 2016 pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico.

O jornalista que mediou o talk show com os especialistas, Ogg Ibrahim, ressaltou o público mesclado presente no evento. “Mas todos com um interesse em comum, que é poder tirar o melhor proveito das redes sociais. Não importa se é um microempresário ou grande empreendedor, todos podem ter acesso e brigar em termos de igualdade porque as ferramentas são iguais para todos”, acrescenta.

Para a coordenadora do curso de Publicidade e Propaganda da Unigran, Lana Guedes, que prestigiou o evento, a vinda de dois dos maiores profissionais de neuromarketing e mídias sociais, é de grande importância para Dourados. “A abordagem que eles trazem reflete positivamente no mercado cada vez mais carente de conversas francas sobre publicidade e sobre o marketing, uma vez que essas ferramentas deixaram de ser vilãs e passaram a ser protagonistas na sociedade contemporânea. Não existe um segmento que não use ou precise dessas ferramentas”, diz.

O empresário Cristiano de Souza Campos, da Matra Tratores, já lia sobre redes sociais, mas até então não havia ido a uma palestra sobre o tema. “Foi muito interessante e proveitoso, principalmente para quem não tem muita experiência. Já estou conversando com o setor de divulgação de minha empresa para aplicarmos algumas ações apresentadas durante o encontro”, afirma.

Acompanhe as ações da Aced pelo Facebook (fb.com/aced.dourados), Instagram (@aceddourados) ou acesse o portal (www.aceddourados.com.br). Cadastre-se para receber as novidades da associação enviando uma mensagem pelo WhatsApp no (67) 9 8402-6658. Mais informações no (67) 3416-8653.

<

Copyright © Tribuna1.com - Todos os direitos reservados. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo de sites externos.