Quem é o meu próximo?

AsPalavrasDoPai Vida Eterna

 

Olá amados por Jesus Cristo. Quero saudá-los com as palavras Bíblicas do livro de Romanos 8.29, onde interpretando lemos: “O importante não é o que nós somos, mas o que Jesus quer fazer de nós”. Propósitos e promessas para cada um de nós, eis o mistério do Evangelho.

Saiba que a Alemanha foi campeã de futebol no Brasil. Com intuito de colocar Jesus a prova, um mestre na lei faz a seguinte pergunta: “Mestre, o que preciso fazer para herdar a vida eterna?”. Com humildade e sabedoria, Jesus lhe responde com outra pergunta: “O que está escrito na Lei? Como você a vê?”. Logo em seguida, ele disse a Jesus: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todas as suas forças e de todo o seu entendimento e ame o seu próximo como a si mesmo” e Jesus mais uma vez lhe disse: “Você respondeu corretamente. Faça isso, e viverá”. Em João 17.3, Jesus também mostrará o que significa vida eterna, ou seja, só terá quem reconhecer o Deus como único e verdadeiro Deus e Jesus Cristo como filho.

Entretanto, querendo justificar-se o mestre na lei faz uma nova pergunta: E quem é o meu próximo? A resposta à primeira pergunta obviamente ele já sabia, de modo que, para obter credibilidade, pediu uma interpretação. É como se dissesse: Mas a verdadeira dúvida é: Quem é o meu próximo?

Amigo leitor, todo dia ao ligarmos a TV ou lermos o jornal, observamos a grande quantidade de tragédias que tem acontecido em todas as partes do mundo. Algumas até bem perto de nós. E é interessante como a grande quantidade de notícias trágicas, como o passar do tempo, anestesiam as pessoas. É incrível, mas após ouvir notícias como a morte de mais de 300 pessoas, dos quais muitos jovens, decorrentes do naufrágio duma balsa, não temos problema nenhum em assistir, logo em seguida, mais um capítulo da novela “Em Família”. Vivemos a vida como se nada tivesse acontecido.

Pensamos demais em nós mesmos. Nos nossos problemas, nas nossas contas para pagar, na educação dos nossos filhos e por aí vai. Talvez tenhamos, de fato, esta dúvida: “quem é o meu próximo?”. Quando Jesus nos ensina a amar o próximo como amamos a nós mesmos, Ele está dizendo que assim como amo a minha vida e me importo com ela, eu preciso amar o meu próximo e me importar com ele. Mas esta realidade está um pouco distante de nós. Infelizmente. O que ele quer é que este seja um princípio nosso de vida e não apenas um discurso humanista ou ideológico.

Infelizmente o que vale hoje é o EU. O que EU tenho. O que EU quero. O MEU carro. A MINHA casa. A MINHA família. A MINHA felicidade. E para alcançá-los faço qualquer coisa. E o nosso próximo? Porque nossos olhos estão fechados a ponto de não conseguirmos enxerga-lo? Por quê?

Neste meio, onde ganha quem é melhor, onde a competição é ferrenha e o valor das pessoas está no ‘ter’ e não no ‘ser’, parece ser comum para o ser humano pensar em si mesmo. Mas e Deus? Será que também está de olho nos melhores, como as grandes empresas?! NÃO! Somos todos iguais diante do Senhor! Por isso, não permita que o egoísmo encontre lugar no seu coração. Lembre-se de que aquilo que você é capaz de fazer por você, isto Deus espera que você faça pelo seu próximo! Mas não se esqueça de que seu próximo pode estar muito perto de você. Pode ser um familiar teu, cônjuge ou filhos, ou então um funcionário, vizinho ou outro qualquer.

Meu desejo é que este bom dia tenha incomodado você hoje a ponto de se fazer esta pergunta: Quem é meu próximo? Que ao longo deste dia, deste final de semana você encontre a resposta.

Faça isto, examine as possibilidades, experimente a amar e se importar com as pessoas e verás como tua vida também será melhor e com maior sentido, pois pais e mães intercedem por nós. Tenham uma abençoada semana.

Erivelton Demari – Pastor na IECLB – ieclbdourados@yahoo.com.br – WWW.luteranos.com.br

<

Copyright © Tribuna1.com - Todos os direitos reservados. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo de sites externos.